BOA NOTÍCIA- RECUPERAÇÃO DA CASA ATINGIDA INICIA-SE POR PARTE DA CÂMARA DE SANTA CRUZ

12733571_1032760640116398_6889714420991088865_n

A infelicidade, que felizmente não se traduziu em consequências maiores, terá nos próximos dias um rápido desfecho.

Graças à colaboração de uma empresa de Santa Cruz e apoio dos serviços humanos da Junta de Freguesia de Gaula, a Câmara Municipal de Santa Cruz encetará, a rápida recuperação da cobertura e demais estragos provocados pelo mau tempo.

Daremos conta do andamento deste assunto.

GAULA RECUPERA LEVADAS DE REGA

12688248_1025861814139614_6495532937899683509_n

A população, com apoio humano e material da Junta de Gaula, cumpriu uma obra de importância essencial, no sentido a reduzir os impates de perda de água sobre os canais de rega da gestão do Governo Regional.

Tendo a população dado um prazo final de execução até de 30 de Março deste ano, de acordo com uma carta da ARM, o objetivo da ação de hoje foi o cumprimento de um desígnio popular, nomeadamente da realizar de uma obra de impermeabilização das levadas que apresentam elevadas ruturas estruturais, causando elevadas perdas de um caudal contratado entre o Governo e os regantes.

ENTREGA DE APOIOS À AQUISIÇÃO DE MEDICAMENTOS

12651017_1021532724572523_3943824443413810452_n

A Junta de Freguesia de Gaula, tal como procede há cerca de seis anos, entregou no âmbito das suas actividades de carácter social mais de 2 mil euros no programa de apoio à aquisição de medicamentos que abrange a medicação convencional e homeopática.

Esta iniciativa, abarca muitas famílias carenciadas, pois não há nenhuma medida social que abranja 100% do público alvo, e vem ajudar a colmatar as despesas do agregado familiar numa conjuntura economicamente difícil.

Consideramos que, desde a implementação do PAEF pelo Governo PSD que o custo de vida aumentou, os recursos das famílias diminuíram, ao ponto de terem optar entre o supermercado e as farmácias, uma situação que ilustra muito bem a situação de perda do Estado social nos últimos anos.

O papel das autarquias nestas medidas são fundamentais, pois elas constituem, cada vez mais, os “suportes de vida” das injutiças sociais, e os barómetros dos problemas e das dificuldades dos cidadãos. E, esse trabalho, passou a estar mais dificultado desde que o ex-governo de Passos Coelho/Portas cortou desmesuradamente verbas e meios às freguesias de todo o país.